top of page

22 de mar. de 2024

Gil Sóter

Exposição “Reminiscências” ocupa bosques, lagos e árvores em Outeiro


 Haverá oficinas e bate-papos gratuitos na programação, que se estende por dois meses



#Exposição

Imagem: divulgação.

A premiada exposição “Reminiscências”, de Renata Aguiar, inicia nova temporada em Belém. Desta vez, a artista propõe a ocupação da floresta preservada da Escola Bosque, na Ilha de Outeiro, convidando os visitantes a um percurso por intervenções, que dialogam com trilhas dos quinze hectares de mata da fundação. A abertura será sábado, 23. Haverá oficinas e bate-papos gratuitos na programação, que se estende por dois meses.


Anúncio



São fotografias, fotoperformances e videoperformances distribuídos por trilhas da Fundação Escola Bosque e pela sede do Ecomuseu da Amazônia, onde Renata Aguiar atua como professora de Artes há dez anos junto a crianças e adolescentes de comunidades ribeirinhas. “Reminiscências são restos, aquilo que fica como marca do que já passou. Como nos álbuns de família, debrucei-me sobre o meu passado ancestral, buscando refazer os caminhos das mulheres de minha família. Mulheres que correm desde o estado do Amazonas, Santarém, Rio Tapajós, até a região bragantina, para desaguarem na ilha de Outeiro”, diz @renata.artista.



Serviço: Exposição “Reminiscências”, sábado, 23, às 10h, no Ecomuseu da Amazônia da Fundação Escola Bosque de Outeiro. A mostra segue em cartaz durante dois meses, com oficinas gratuitas e visitas de segunda a sexta-feira, de 9 às 17h. Todas as atividades são gratuitas. Será disponibilizado ônibus ida e volta para a abertura da exposição, os interessados devem preencher o formulário no link: https://tr.ee/YmkQPSbgGd

Anúncio

bottom of page