Maria Christina

Ateliê da 25 apresenta "Outubro em Cores" de Maria José Batista

#Exposição

Imagem: Ilha das Onças - Obra de Maria José Batista / Divulgação.


O mês de outubro se revela colorido pelas mãos da artista naif Maria José Batista (@maria_jose12117), que realiza exposição individual no Ateliê da 25 (@atelieda25arteecultura) a desde o começo do mês de outubro (05) na qual reúne obras em tela, papel e material reciclável. Procissões, encontros, cenários e paisagens são temas recorrentes no trabalho da artista que tem o cotidiano como inspiração para desenvolver o olhar detalhista em material tradicional, como as telas em dimensões variadas, assim como experimentos em papel e resíduos reaproveitáveis dos quais obras elaboradas e sofisticadas tomam forma sob o seu talento.


Maria José Batista foi uma das 10 mulheres ganhadoras do Prêmio Arte Tomie Ohtake 2022, cujo resultado foi informado recentemente, entre quase duas mil artistas inscritas em todo o Brasil, e vai participar de exposição coletiva com obras escolhidas pela curadoria daquela instituição, junto às demais ganhadoras do prêmio, no próximo mês de novembro em São Paulo, no Instituto Tomie Ohtake. A exposição Outubro em Cores é voltada a todos os públicos, de qualquer faixa etária, e ficará aberta até dia 29 de outubro, com entrada franca."




“Uma alegria enorme saber que meu trabalho estará em São Paulo ao lado de obras de outras mulheres talentosas”, conta a artista, que para a exposição Outubro em Cores escolheu um mix de temas: “a cidade respira alegria e esperança, e meus quadros são um retrato desse sentimento que está nas ruas, nas praças, nas feiras”, ela diz.


A curadoria da mostra foi feita a quatro mãos e é assinada pela fotógrafa Maria Christina e pelo pintor Marcelo Lobato, proprietário do Ateliê da 25, espaço de estímulo e aprendizado em artes: “sou fã do trabalho da Maria José Batista há anos e é uma honra recebê-la na galeria para a pauta de outubro”, afirma Lobato.


A artista é paraense, e começou a atuar no campo artístico em 1997 depois de fazer oficinas no Curro Velho com Mestre Nato (1952-2014), e vem participando de exposições e projetos culturais dentro e fora do estado, além de ministrar cursos de pintura e desenho: foi premiada no Salão Arte Pará (2005), artista convidada pela Bienal Naïf de Piracicaba (SP, 2006), ganhadora do Prêmio Artes Visuais do Banco da Amazônia (2020), e obteve o prêmio de Reconhecimento no edital Artes Visuais da Lei Aldir Blanc PA (2020).


Serviço: Outubro em Cores - Exposição de Maria José Batista
Visitação: 6 a 29 de outubro (2ª a sábado, de 9-12h e 14-16h)
Ateliê da 25 (Av. Romulo Maiorana, no 1082. Marco. Belém, PA).
Informações para visitas monitoradas (91) 98217-4031


Texto: Maria Christina (Assessoria de Comunicação)
  • Preto Ícone Twitter
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon