Neste domingo ocorre live do projeto ‘O Mercado do Choro Roda a Cidade’

#Live #MercadoDoChoroRodaCidade


O Mercado do Choro - Imagem: Nélita Gaia.


Música instrumental e histórias sobre Belém é o que propõe o projeto “O Mercado do Choro Roda a Cidade”, do grupo paraense O Mercado do Choro. Neste domingo (22/11), será realizada a segunda live, a fim de relembrar as tradicionais rodas de chorinho que animavam a cidade. A programação vai contar com a participação do historiador Michel Pinho e do percussionista Kleber Benigno. A transmissão ao vivo inicia a partir das 17h, no canal do grupo no YouTube.




No repertório, o Mercado do Choro traz músicas do primeiro álbum e algumas inéditas que vão integrar o “Passeio Público”, disco que será lançado em dezembro. A live vai contar também, com participações do percussionista Kleber Benigno, um dos parceiros que fazem parte da trajetória musical d’O Mercado.




Nascido nos espaços públicos de Belém, o grupo escolheu a Cidade Velha para ser o cenário da apresentação. E para falar sobre esses espaços que compõem o centro histórico da cidade, haverá a participação do professor e historiador Michel Pinho.





O Mercado do Choro surgiu em 2013, reunindo músicos dedicados à pesquisa e criação do gênero musical Choro. O grupo passou a se encontrar mensalmente em praças e mercados, ressignificando o passeio público; valorizando o patrimônio histórico; convidando as pessoas para as rodas de choro, mas principalmente convidando-as a reconhecer a cidade.




Formado por Carla Cabral, no cavaco; Diego Santos (violão sete cordas); Gabriel Ventura (pandeiro) e Tiago Amaral (clarinete), o Mercado do Choro já realizou turnê pela Europa, em 2018, como convidado do renomado Festival Internacional de Choro de Paris, estendendo-se também as cidades de Amsterdam na Holanda e Lyon na França. No mesmo ano participou também como convidado do XXXI Festival Internacional de Música do Pará, um dos maiores festivais da região. Em 2019, o grupo foi atração da Virada Cultural de São Paulo (SP).




Sobre projeto - Com patrocínio do Banco da Amazônia, por meio do edital de Cultura 2020, “O Mercado do Choro Roda a Cidade” conta com duas apresentações e ainda um videoclipe. Originalmente, o projeto apresentaria rodas em praças e mercados, mas a pandemia nos colocou em uma nova configuração de apresentação.



Serviço:

“Live #2 – O Mercado Roda a Cidade”

Neste domingo (22/11), a partir das 17h, no canal do grupo no YouTube.

Acesse: http://bit.ly/OMCyt


Texto: Una Conteúdo (Comunicação e Cultura)

99 visualizações