Lucyan Costa traz a sonoridade dos Bregas dos anos 80 e 90

#LucyanCosta

#BregasAnos80e90


Lucyan Costa Imagem: Félix Robatto / Divulgação.


O cantor e compositor paraense Lucyan Costa apresentou no final do mês de maio (28), nas plataformas digitais seu álbum de estreia: A Volta do Brega Raiz, trabalho que promete um som nostálgico para viajar aos anos 80 e 90, quando o Brega romântico explodiu no Pará e conquistou fãs que seguem saudosos.




Entusiasta do gênero musical, Lucyan decidiu lançar a carreira solo com um álbum totalmente dedicado ao “Brega Passado”. Com o romantismo e instrumental bem fiel à época, o trabalho espera mexer com a nostalgia do público que viveu a música romântica brega no Pará nas décadas de 80 e 90 e apresentar aos jovens essa sonoridade contagiante.




“O disco traz como referências grandes cantores de músicas românticas, músicas bregas

desse período, que fazem parte da minha história emocional e musical. Essa sonoridade

faz parte da minha infância, são canções que meu pai ouvia e que eu passei a gostar. Ouço e canto até hoje e como eu, acredito que tem muito paraense que também se identifica como bregueiro”, explica Lucyan.





O álbum traz 10 faixas, oito de autoria do artista, algumas em parceria e duas são músicas de parceiros: “Atemporal”, de Bruno Benitez e Dudu Neves e “Vem Matar essa Vontade” de Félix Robatto. A última faixa do disco é “Melodia e Paixão”, composição de Lucyan em parceria com a poeta Ana Meireles, sua mãe, que já havia sido lançada em setembro de 2020 com clipe e ganhou uma regravação.




A produção musical é assinada pelos músicos Félix Robatto e Bruno Benitez, que fizeram uma grande pesquisa sobre timbragens e pegadas, buscando referência nos sucessos que marcaram a época de artistas como Magno, Teddy Max, Mauro Cotta, Luiz Guilherme e Ivan Peter.




“O Brega Passado segue forte, mas com pouca produção nova. Seguimos ouvindo os clássicos do passado. Esse disco é diferente porque são músicas novas com a pegada desse Brega Saudade. Estou muito feliz com o resultado. Pesquisamos bastante pra chegar nesse som. Acho que a galera vai curtir”, comemora Félix.



Poesia em Família – A grande parceira de composição de Lucyan é sua mãe, a escritora e poeta Ana Meireles, que começou a escrever ainda na adolescência. Hoje, já são 8 livros lançados, sendo 5 no gênero poesia, 2 Literatura Infantil, e 1 no gênero crônicas. Foi lendo os poemas da mãe, que o artista despertou para a composição.




“Ela sempre me incentivou a escrever e, lendo os poemas dela, percebi que eles poderiam ser letras de músicas, já que a maioria fala de paixão, amor, saudade, solidão... Um dia sentamos juntos, pegamos como base uma poesia dela que eu gostava muito e fomos trabalhando e assim surgiu ‘Melodia e Paixão’. Depois, fluiu e passamos a compor com frequência”, conta Lucyan.



No disco, Ana é parceria de Lucyan em quatro canções: “Melodia e Paixao”, a primeira parceria dos dois, “O Tempo é para Amar”, “Naquela Noite” e “Eu já me Benzi”.



Brega Raiz – Lucyan começou sua carreira profissional há três anos e logo assumiu o comando da Sexta Bregosa, festa realizada toda sexta-feira na Lambateria Casa de Dança que era dedicada ao gênero musical. Em setembro de 2020, lançou seu primeiro single “Melodia e Paixão”, composição que chegou com clipe também gravado durante a pandemia. A música foi o empurrão para o artista produzir o primeiro álbum, que segue fiel ao gênero que o lançou na cena musical paraense.




O disco foi gravado no estúdio Caverna do Barbudo, em Belém e, como reflexo da pandemia, foi feito a poucas mãos: os músicos Bruno Benitez e Félix Robatto se dividiram entre guitarras, baixos, bateria, backing vocal e samples e SM Negrão gravou os teclados. Para deixar o disco ainda mais saudoso, o artista usa as marcantes vinhetas entre uma música e outra, que foram gravadas pelo locutor Renato Lobo.



Serviço

| O QUÊ: Álbum A Volta do Brega Raiz de Lucyan Costa

| ONDE: Principais plataformas de streaming

| PRÉ-SAVE: https://ps.onerpm.com/2096337480

| MAIS EM: lucyancosta.com.br


Texto: Sonia Ferro: (91) 98026-1595 (Wapp) / Assessoria de Imprensa

94 visualizações