Galeria Benedito Nunes recebe exposição coletiva Anastomose

Atualizado: 30 de Jul de 2019


Anastomose - Foto: divulgação


A Galeria Benedito Nunes abriu nesta última segunda-feira (08/07) a exposição Anastomose, na Galeria Benedito Nunes. A mostra vai de 8 de julho a 2 de agosto, com visitação aberta de 9h às 19h, e entrada franca. Anastomose traz obras de artistas da nova geração paraense, que buscam por espaços na capital. A exposição é uma parceria entre Fundação Cultural do Pará com a Galeria Azimute.



As obras que compõem a exposição vem do acervo da Galeria Azimute, espaço que fica dentro doVila Container, complexo de entretenimento localizado no bairro de Nazaré, em Belém. “As exposições da Azimute abriram portas para a articulação entre artistas que se identificavam entre discursos e linguagens estéticas. Com isso, a proximidade entre esses agentes urbanos da nossa cidade gerou a necessidade de expressar essa união como um movimento artístico, nomeado como NAUP (Nova Arte Urbana Paraense)”, explica Jade Jares, curadora da Galeria Azimute.



Foto:João Pedro Aranha

A mostra abrange pintura, fotografia, escultura, estêncil e outras técnicas artísticas provenientes da arte urbana e a exposição tem a cara e o coração desta vertente em grande ascensão no cenário artístico. São trabalhos com uma variedade extensa de estéticas, maior característica da própria arte urbana.



Com o objetivo de criar um macro universo com estas singularidades, a exposição foi projetada para fugir da monotonia das exibições tradicionais, para atrair o público não apenas como observador mas também como receptor e propagador da diversidade de linguagens apresentadas na NAUP.


O termo Anastomose entra em cena para traduzir o propósito desta exposição:

“significa uma rede de canais que se bifurcam e recombinam em vários pontos, uma comunicação natural como as veias, que são encontradas nas estruturas das folhas. A galeria tem como eixo principal a aproximação desses agentes artísticos, que são ressignificados na nomenclatura escolhida com o intuito de potencializar o diálogo e marcar no tempo a idealização deste encontro", conclui Jares.


Foto: divulgação


São 16 os artistas presentes na exposição: Nayara Jinknss, Maitê Zara, Isabella Dias, Tainá Maneschy, Layse Almada, Layse Pimentel, Moara Brasil, Vitória Leona, Duda Santana, Almir Trindade, Flag Nery, Kambô, Petchó Silveira, Murilo Gama, Igor Oliveira e Felipe Amaral.





Serviço: a exposição Anastomose está aberta à visitação de 8 de julho a 2 de agosto,

de 9h às 19h, na Galeria Benedito Nunes, que fica no térreo da Fundação Cultural

do Pará, Av. Gentil Bittencourt, 650. Entrada franca.


Texto: Fundação Cultural do Pará (Assessoria de Comunicação)

8 visualizações