Projeto Cria Preta promove atividades culturais no bairro do Guamá


O Projeto Cria Preta nasceu em 2015, numa roda de conversa entre mães preocupadas com a educação afetiva e criativa de crianças negras periféricas diante do crescente quadro de criminalização que atinge principalmente crianças e juventude negra. Essa iniciativa vem sendo realizada de maneira colaborativa, onde brincar e criar tem sido o norte das atividades entre a comunidade do Bairro do Guamá, onde reside a artista visual e educadora, Auri Ferreira, idealizadora da proposta e coordenadora das atividades.




O Projeto será realizado em várias ruas pelo bairro do Guamá, sendo este o primeiro do ano de 2019. Abriremos as atividades com um evento de abertura no dia 18 de maio (Sábado), e seguirá com atividades artístico/Culturais e meio ambiente durante a semana, encerrando esta primeira etapa com um Sarau de resultado das atividades.




Descrição das Oficinas

* Eco oficina: Reutilizando Resíduos sólidos

Instrutores: Andrezza Mota e Ado Damasceno Dia: 19 e 20 de Maio, às 10Hs. Público: Adultos e crianças acima de 9 anos Obs. Menores com a presença dos Responsáveis. Objetivo: Como forma de incentivo à mudança de hábitos e valores individuais e coletivos diante do consumo, a eco oficina propõe a reutilização de resíduos transformando-os em artesanato e material de bioconstrução.


* Figuras Lendárias na Escultura

Instrutora: Aurilene Ferreira

Público: Adolescentes Data: 21 e 22 de Maio Hora: 9hs

Objetivo: Trabalhar técnicas de modelagem em argila para obter uma noção geral do que é a escultura, de como ela vem sendo representada por determinados povos dentre suas diferentes tradições, e valorizar nosso imaginário amazônico.


*Contação de História de Afrodescendentes

Coletivo Sapato Preto

Intrutoras: Patrícia Gomes e Ágata Público: Crianças e adultos (Mulheres e crianças) Data: 22 de Maio Hora: 16:00 horas


*Técnica de pintura em tecido

Instrutor: Delen de Castro Datas: Quinta e Sexta de 9 as 11 da manhã.

Objetivo: A pintura em tecido será uma oportunidade para os moradores do Guamá aprenderem ou aperfeiçoarem(caso já tenham experiência nessa prática) o ofício da pintura em tecido, utilizando temáticas que estejam próximas da vivência guamaense, pretendemos oferecer uma atividade prazerosa e útil, visto que entendemos essa técnica como uma oportunidade de gerar renda.


* Figura Humana na Pintura: Diversidade de corpos, cores e formas.

Instrutores: Bruno Pedroso, Fernanda Monteiro, Gabriela Monteiro

Faixa etária: 4 a 12 anos Data: 23, 24 e 25 de maio Hora:16 Às 18hs

Objetivos: Através do aprendizado técnico da pintura, pretende-se quebrar parâmetros de representação europeus, como cânones e padrões que perduram durante séculos e perpetuam praticas racista. Promover o exercício de olhar mais para o que se encontra ao redor e olhar para si e para os outros na busca de compreender melhor esses outros indivíduos e suas realidades. Buscar uma aceitação e representação do indivíduo amazônico. Assim contribuindo para a autoestima.


Sábado (18/05) / Evento de Abertura do Projeto


#Exposição Fotográfica da Ocupação do Espaço Mestre 70


#16Hs Rodrigo Ethnos com o Palhaço “Carne Seca” e Brincadeiras para todas as idades

#17Hs Roberta Tavares com Poesia Preta


#17:30 Show da Mc Nega Iza


#18 Hs Batalha de Rap Mirin #20 Hs Encerramento com Apresentação do Boi Travesso


Serviço:

Endereço aonde acontecerão às atividades Rua Paulo Cícero, entre São Miguel e Frei Daniel. Praça 7de Janeiro (Ferro de Engomar)

Contatos: Auri Ferreira (Coordenação) - Email: aurilenep.ferreira@gmail.com Fone: (91) 98265-6988.


APOIO: REDE DE MULHERES NEGRAS / COLETIVO SAPATO PRETO / BOI TRAVESSO / PRETINTA / CARIMBÓ VEM DE BIKE


PATROCÍNIO: Aliança Pela Paz / Fundação Cultural de Belém / Prefeitura Municipal de Belém


Texto e fotos: Auri Ferreira

100 visualizações