“Passeio Público” d’O Mercado do Choro é um convite para passear por Belém

#MercadoDoChoro

#PasseioPúblico


Mercado do Choro - Imagem: Marcelo Lelis.


A saudade de estar ao ar livre, provocada pelo isolamento social, e a vontade de viver a cidade foram as inspirações para compor as canções que fazem parte do segundo álbum do grupo O Mercado do Choro. Intitulado “Passeio Público”, o disco chega em um ano atípico, em meio a uma pandemia, mas com a mesma alegria das tradicionais rodas de Choro e a esperança por dias melhores. O CD lançado no começo de dezembro (04/12) ficará disponível para audição em todas as plataformas de música do grupo na internet.




“Passeio Público” traz 11 faixas que relembram muitos lugares em que o Mercado passou e, também o sonho das rodas não tardarem a ocorrer novamente. “Saudade velha”; “Bora Circular!”; “Aparelho”; “Box 8”; e, “Passeio Público” são algumas músicas que fazem parte deste trabalho. A faixa-título do disco é o nome de uma suíte composta por Carla, Tiago e Diego, recobrando o andar pelas ruas, a liberdade e direito à incursões pelo que a cidade vive e oferece.




Gravado entre os meses de agosto e setembro deste ano, o álbum também é um convite a excursionar pela música do Mercado, essa que sempre se fez de forma gratuita por Belém e pelo mundo.



Desse passeio musical, participam também Flávia Aquino (percussão); Igor Nicolai (sax); Jade Guilhon (bandolim); Kléber Benigno (percussão); Manassés Malcher (trombone), Armando Mendonça (violino) e Thaiz Vera Cruz (percussão).



O Mercado do Choro surgiu em 2013, reunindo músicos dedicados à pesquisa e criação do gênero musical Choro. O grupo passou a se encontrar mensalmente em praças e mercados, ressignificando o passeio público; valorizando o patrimônio histórico; convidando as pessoas para as rodas de choro, mas principalmente convidando-as a reconhecer a cidade. É formado por Carla Cabral, no cavaco; Diego Santos (violão sete cordas); Gabriel Ventura (pandeiro) e Tiago Amaral (clarinete).




“Nosso primeiro álbum [Mercado do Choro], em 2016, nos apresentou a experiência de compor em meio a rodas de Choro em espaços públicos, como praças e mercados da cidade de Belém. Para o segundo, a gente pretendia se aventurar na mesma experiência. Mas, a execução do projeto foi atravessada pela pandemia, providenciando uma nova maneira de compor”, conta Carla Cabral.



Mercado do Choro - Imagem: Marcelo Lelis.


Em outubro, o grupo apresentou ao público o primeiro single do álbum, “Box 8”. O registro também conta com um clipe dirigido por Mário Costa.



O disco, viabilizado pela emenda parlamentar do deputado federal Edmilson Rodrigues (Psol), foi gravado e mixado no estúdio APCE Music, por Assis Figueiredo; a produção executiva é de Carla Cabral; a fotografia é assinada por Marcelo Lelis e Nélita Gaia; o audiovisual por Macieira Filmes e o projeto gráfico é de Karol Abreu.




A realização é da Universidade Federa do Pará (UFPA), Pró-reitoria de Extensão (Proex), Escola de Música da UFPA e Fundação de Amparo e Desenvolvimento de Pesquisa (Fadesp).



Para ouvir - "Passeio Público" está disponível para audição nas principais plataformas

de música. Para conferir, basta acessar o link: https://bit.ly/omcPP .



Texto: Una Conteúdo – Comunicação e Cultura

95 visualizações