Pássaros juninos vão se apresentar gratuitamente no Theatro da Paz de sexta a domingo


Colibri - Imagem: Louriene Ataíde.

A realização de um sonho: Pássaros juninos subirão no palco do Theatro da Paz - a maioria pela primeira vez, diga-se de passagem - para apresentarem as suas peças teatrais à sociedade paraense. O evento em questão é a 1a Mostra Ópera Cabocla: “Os Pássaros”, promovido pela Secretaria de Cultura do Pará (SECULT). Pelo menos 15 grupos participarão deste momento histórico para os guaridões de pássaros juninos, cultura popular genuinamente paraense,

de sexta (4) a domingo (6). A entrada é

franca e livre para todos os públicos.




“Esse momento é muito importante para cada um de nós (guardiões de pássaros juninos) pelo fato do Theatro da Paz ser o berço da cultura popular paraense, da cultura dos pássaros juninos na verdade, uma vez que nascemos a partir das grandes óperas que vinham de fora do Pará para se apresentarem no período da borracha. Para nós estar no palco do Theatro da Paz é um sonho que começa a sair do papel. Vai ser muito emocionante, principalmente pela importância histórica que tem o próprio teatro. Outro ponto interessante a ser destacado é que a população terá acesso ao Theatro da Paz, sem ter que pagar ingresso. Então, estaremos lá de portas abertas para receber aqueles que ainda não conhecem essa manifestação”, conta Laurene Ataide, guardiã do Cordão de Pássaro Colibri de Outeiro e organizadora do I e II Festival de Pássaros e Outros Bichos, realizados respectivamente nos anos de 2016 e 2017.



Colibri - Imagem: Louriene Ataíde.


O ator Adriano Barroso, que hoje ocupa o cargo de Diretor do Departamento de Artes

Cênicas da SECULT, fala sobre a iniciativa de realizar o evento. “Esta gestão é formada

fundamentalmente de artistas conhecedores, sobretudo, da arte popular. Para nós, a cultura que tanto foi sufocada durante anos pelos governos passados, precisa ser valorizada e entrar na pauta da cidade. O Pássaro é um deles, para mim, é uma das maiores expressões da nossa cultura. Estamos devolvendo o protagonismo que eles merecem, colocando-nos na principal pauta do Theatro da Paz, no Círio de Nazaré. É apenas um pouco do que podemos fazer agora. Mais ações virão”.



SERVIÇO:

1ª Mostra Ópera Cabocla: “Os Pássaros”


4 de outubro (Sexta-feira)

19h - Pássaros Melodramas Fantasias A Garça

20h - Pássaros Melodramas Fantasias Tangará


5 de outubro (Sábado)

9h - Cordão de Pássaro Tem-Tem do Mosqueiro

9h45 - Cordão de Pássaro Colibri de Outeiro

10h30 - Cordão de Pássaro Junino Pipira

11h15 - Cordão de Pássaro Junino Pequeno Guará

15h - Pássaros Melodramas Fantasias Tem-Tem do Guamá

16h30 - Cordão de Pássaro Junino Ararajuba

18h - Cordão de Pássaro Pavão

19h30 - Cordão de Pássaro Uirapuru


6 de outubro (Domingo)

9h - Cordão de Pássaro Papagaio Real

10h30 - Pássaros Melodramas Fantasias Tucano

15h - Cordão de Pássaro Junino Beija-Flor

16h30 - Pássaros Melodramas Fantasias Junino Sabiá

18h - Cordão de Pássaro Junino Rouxinol


Local: Theatro da Paz – Praça da República, s/n – Belém.

Entrada franca!

Classificação livre.


Texto: Vivianny Matos (Jornalista- Estante Cultural)

31 visualizações