Nego Nelson lança videoclipe “Tiquinho de Céu”

#NegoNelson


Nego Nelson - Imagem: Carlos Borges.


Depois de um susto com uma internação, há um mês, e de sofrer fake news sobre seu estado de saúde, o compositor e um dos maiores violonistas da Amazônia, apresenta seu novo videoclipe. Gravado este mês no Parque da Residência, em Belém, com direção de Pedro Vianna, direção de fotografia de Paulo Mendes e produção de Narjara Oliveira, o videoclipe “Tiquinho de Céu” foi lançado no dia 21 de dezembro, no Canal de Youtube do artista.




O videoclipe da faixa “Tiquinho de Céu” é também uma homenagem de Nego Nelson à Waldir Azevedo, compositor de “Pedacinho de Céu”. A música, inédita, foi incluída no álbum comemorativo aos seus 50 anos de carreira, que será lançado em 2021.



A gravação e lançamento do videoclipe e do CD integram projeto de Nego Nelson contemplado, este ano, com o prêmio Preamar de Cultura e Arte da Secretaria de Cultura do Estado do Pará. Trazendo nove músicas instrumentais, todas de autoria de Nego Nelson, o novo álbum traça um panorama de sua obra musical.





O trabalho tem participação de instrumentistas convidados em algumas faixas como: Jean Charnaux, Gileno Floquinios, Adelbert Carneiro, Jacinto Kahwage e Dadadá Castro; além de faixas com Nego Nelson solo ao violão. Os arranjos e direção musical são do próprio compositor. O álbum será distribuído de forma gratuita em todas as plataformas digitais.




Trajetória do compositor

Violonista e compositor, Nego Nelson nasceu em Belém e iniciou seus estudos com os professores Tó Teixeira e Everaldo Pinheiro. Possui formação erudita, jazzistica e em música popular de todos os estilos. Com 40 anos como músico profissional, fez shows com diversos artistas. Produziu músicas para teatro, filmes e documentários. Participou de festivais e de shows com artistas de renome nacional como Leny Andrade, João Donato, Leila Pinheiro, Fafá de Belém, Billy Blanco, Arismar do Espírito Santo, entre outros.




Em 1972, teve pela primeira vez gravada uma música de sua autoria, "Belém", em parceria com Sebastião Tapajós, que incluiu no repertório do disco "Violão e amigos". Compôs mais de 100 canções, em estilos os mais diversos, como valsas, sambas, boleros, funks, carimbós e guarânias. Como artista solista, apresentou-se com os violonistas paraenses Salomão Habib ("Dois violões amazônicos") e Paulinho Moura ("13 cordas"). Foi professor durante 11 anos do Conservatório Carlos Gomes e no Curro Velho, onde atuou como gerente de oficinas.



Nego Nelson - Imagem: Carlos Borges.


Sobre o diretor do videoclipe


Pedro Vianna é escritor, cantor, compositor e produtor cultural com mais de 20 anos de experiência e estreia neste videoclipe como diretor. Publicou os livros de poesia Itinerário interno (2007), Sementes da revolta (2008) e Identidade Solar (2015). Na área musical já realizou diversos shows em teatros e casa noturnas, com destaque para Cada Lugar na Sua Coisa, com canções de Sérgio Sampaio no teatro Waldemar Henrique em 2014 e o show Polêmica, ao lado do intérprete Olivar Barreto em 2015.




Pedro vem participando de vários festivais de música pelo Brasil e já conquistou as premiações em diversos festivais de música, aliando-se a parceiros como Ziza Padilha, Leandro Dias, Fabio Cadore, Fátima Guedes, Marcio Farias, Marcelo Sirotheau e Pedrinho Cavallero, lançou em 2015 seu primeiro CD intitulado Filosofia. Atualmente encontra-se em fase de finalização de seu novo CD chamado Voragem e, paralelamente, atua na coordenação do projeto de CD de Nego Nelson.



Serviço: Videoclipe “Tiquinho de Céu”, de Nego Nelson. Pelo Canal de Youtube do artista - Prêmio Preamar de Cultura e Arte da Secretaria de Cultura do Estado do Pará.


Texto: Luciana Medeiros (Holofote Virtual)

88 visualizações