Marcos Prateado canta grandes sucessos dos anos 1990 e 2000 na live "Pagode Retrô”

#MarcosPrateado

#LivePagodeRetrô


Imagem: Luana Arnaud / Divulgação.

O Projeto “Pagode Retrô”, do cantor paraense Marcos Prateado, que tem como objetivo relembrar canções de pagodes antigos que marcaram gerações, contando com novos arranjos e produção musical diferente, será apresentado ao público em formato de live no dia 22 de maio, as 20h. O repertório será recheado de sucessos lançados por grandes grupos como Raça Negra, Molejo e Negritude Jr, Travessos, Belo entre outros.




Marcos Prateado, começou a tocar baixo nas noites paraenses desde os 18 anos, e de lá pra cá tocou em várias bandas em Belém como Doce pecado, Nosso Tom, Banda Carícia, Consagrasamba, Sambanew, Debobeira, Bino, Alê Navegantes e Karanew onde foi vocalista.




“Eu acredito que o pagode e o samba têm uma linguagem e um ritmo universal e alcança muitas pessoas que vai da criança ao idosos. Acredito que o público gosta muito de pagode”, ressalta o cantor sobre o estilo musical que pulsa no seu coração.



O nome Marcos Prateado surgiu quando pessoas do meio artístico o comparavam com o grande Baixista do cantor Belo, o Prateado, e brincadeiras à parte, o nome acabou virando oficial para o artista.




Marcos também fez participações com grandes artistas e bandas nacionais como Leandro Lehart; Nosso Sentimento; Gustavo Lins; Vavá, do Karametade; Delson Luiz e Rodriguinho. Em 2006 viajou para a Alemanha para levar o samba e pagode brasileiro pro mundo, e na sua estadia pela Europa, tocou em diversas casas de shows durante 1 ano.



A maioria das Bandas que Marcos cantou e tocou foram de pagode, e por esse motivo, em 2018, teve a ideia de começar a fazer um show de coletâneas de vários sucessos desse estilo, surgindo a partir daí o nome “Pagode Retrô”. O projeto teve grande repercussão e o paraense fez várias temporadas se apresentando para o público no Shopping Pátio Belém.



Imagem: Luana Arnaud / Divulgação.


Sobre a ideia do projeto, o artista explica de onde tudo surgiu: “A ideia partiu da minha vivência durante todos esses anos imerso nesse ritmo que contagia as pessoas, que é bom para dançar. E nessa época dos anos 1990/2000, Belém explodia com várias casas de pagode, e eu fiz muito show, eu compus muitas músicas nessa época. Eu percebo que quando eu toco voz e violão em outros shows, sempre as músicas antigas fazem muito sucesso e todo mundo tem a letra na ponta da língua. Reuniões em casa também a gente toca muito pagode antigo isso traz muitas lembranças muita gente se identifica com as letras é só sucesso”.




Marcos é multitalentoso, e suas habilidades musicais incluem vocal, violão, guitarra e baixo. Paralelamente, Prateado também é compositor, e já teve algumas canções gravadas por artistas da terra. Em breve o artista irá trazer para o público um sucesso autoral que está preparando com muito dedicação: “Estamos gravando um single com uma pegada de pagode e samba bem diferente e logo estará nas plataformas digitais e sendo executada nos shows e lives”.



O show “Pagode Retrô” estará disponível em formato live no Canal do Youtube do cantor.



Serviço: Live Pagode Retrô do músico paraense Marcos Prateado, neste sábado (dia 22/05) às 20h de maio nas redes sociais (YouTube / Instagram /Facebook).


Fonte: Assessoria Benitez Produções - Alê Navegantes: (91) 980301626

Texto: Luana Moraes

58 visualizações