Live: Sinergia Cultural ganha versão digital

#LiveSinergiaCultural


Sinergia / Racismo - Imagem: divulgação.

A pandemia do coronavírus fez a maioria dos encontros coletivos migrarem para as plataformas digitais, então, como ainda não é possível a proximidade física, a Universidade Instituto Popular (UNIPOP) vai promover, nesta terça, (14/07), às 20 horas, via transmissão pelo FACEBOOK da instituição, a tradicional troca de saberes entre artistas, pesquisadores(as)/criadores(as) culturais e o público: o Sinergia Cultual

– uma característica do projeto que existe desde 2007.




“O Sinergia ganha, agora, um formato digital, mas sem perder a dinâmica informal e de conversa franca, o que é uma forte característica do projeto. Assim, mesmo à distância e de maneira virtual, vamos manter essa troca”, explica o coordenador do projeto, Alexandre Luz. O tema da primeira live do Sinergia Cultural vai abordar um assunto que está em voga, sobretudo, após o assassinato de George Floyd, em Minneapolis (EUA), em maio deste ano: o racismo. Porém, fazendo um recorte à realidade amazônica.




Os convidados para este evento virtual são o músico e pedagogo Carlos Henrique Garcia de Souza e a jornalista, atriz e educadora social Wellingta Macêdo, que vão falar sobre o “Racismo Estrutural: Enfrentamentos e percepções no contexto amazônico”. O bate papo será mediado pela assistente social, atriz (e nova integrante

do Grupo de Teatro da Unipop - GTU), Marilda de Tarumã.



PARTICIPANTES DA LIVE:





Carlos Henrique Garcia de Souza: Pedagogo, formado pela Universidade do Estado do Pará (UEPA), músico percussionista, arte educador e atualmente mestrando em educação pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Trabalha com as pedagogingas juntamente com o Coletivo Casa Preta.



Wellingta Macêdo: Jornalista, atriz e educadora social. Militante do Movimento Nacional Quilombo Raça e Classe PA. Criadora do projeto de arte e educação, "Lulu, a Gata Preta"- Desmistificando o Azar dos Gatos Pretos, em escolas para crianças e jovens. Também apresenta o "Cine Quilombo Alegria Alegria", no bairro da Condor, proeto do QRC PA que discute Cinema e Racismo para o público infanto juvenil. É apresentadora do programa Cinema Livre, da Web Rádio Censura Livre.



Marilda de Tarumã: Assistente: Assistente Social, especialista em Regulação do SUS e especializando em Políticas Públicas e Gestão em Serviço Social e Atriz. Integrante do Movimento Brasileiro de Redução, e do Grupo de teatro da Unipop.



SERVIÇO: LIVE DO SINERGIA CULTURAL

Tema: “Racismo estrutural: enfrentamentos e percepções no contexto Amazônico”

Dia: 14 de julho (terça-feira) Às 20h

Onde: Na página do Facebook da Unipop (www.facebook.com/universidadepopular )



Texto: Assessoria de Comunicação Unipop

55 visualizações