Dia municipal do Carimbó é comemorado nas ruas do bairro da Pedreira


Imagem: Roberta Brandão

Na semana em que se comemora o dia municipal do carimbó e também o nascimento de mestre Verequete, as ruas estreitas da travessa Álvaro Adolfo voltam a receber grupos de carimbó e outras manifestações da cultura popular. Trata-se da 11° edição o Projeto Pau e Corda do Carimbó que este ano homenageia os mestres da região metropolitana de Belém. A programação gratuita ocorre no próximo sábado (31), a partir das 14h. A expectativa é que no segundo dia do festival cerca de 10 grupos de carimbó passem pelo palco montado na rua, em frente à casa sede do tradicional grupo de carimbó, Sancari.




O interior do Pará também marcará presença no evento, oriundo do nordeste paraense, o Grupo de carimbó musical e de dança de Santarém Novo, coordenado pela Mestra Theo Loureiro, irá se apresentar por volta das 17h no último dia do evento. “Estou muito feliz, muita satisfeita de ter conseguido trazer as crianças. Nossas crianças irão lembrar de tudo isso, assim como eu lembro e muitas vezes choro das lembranças boas que tenho de minha infância”, compartilha a idealizadora Neire Prestes, que defende a salvaguarda do carimbó através do repasse da importância da preservação e manutenção das culturas populares para as crianças.




Aliás o festival é divido em dois dias, sendo um dedicado as brincadeiras tradicionais e para as crianças e outro mais focado nos grupos de carimbó. O evento deste sábado se inicia às 14h com derrubamento do mastro. Carimbó Cobra Venenosa, Som do Pau oco e Grupo Sancari estão entre os grupos esperados. Confira a Programação.



História do Pau & Corda


Com 59 anos, Neire Prestes, a matriarca colabora há 21 anos com o grupo Sancari e realiza há 11 anos o Projeto Pau & Corda do Carimbó. Desde criança realiza atividades na comunidade ao lado de parceiros, como a vizinha Célia Teixeira e o grupo de carimbó Sancari. Sua casa e família se misturam com a história da manifestação popular paraense. É do seu quintal, da árvore da cuieira, que se originam as famosas maracás feitas artesanalmente pelo mestre Lucas Bragança, companheiro de Neire. Aliás, o carimbó percorre a família. Filhos e netos são criados próximos a cultura popular e já seguem os próprios passos como músicos e bailarinos.




Foi a partir deste sentimento de ver melhorias em sua comunidade, da vontade de assistir os netos brincando nas ruas e de criar oportunidades para as mulheres e crianças que moram na passagem Álvaro Adolfo que Neire Prestes teve a ideia de criar

o evento Pau & Corda. Desde 2008 foram inúmeras oficinas de capacitação relativas ou

não a cultura de carimbó, exibição de filmes e curtas paraenses, apresentação de diversos grupos de cultura popular paraense, em especial o carimbó.




Durante o percurso de 11 anos, o projeto foi premiado por duas vezes. Em 2013, prêmio Mazzaropi, e em 2018, Selma do Côco. Entretanto, ainda assim é preciso correr atrás de apoio, logística de alimentação e toda uma escala de produção. “Quando termina um projeto eu já estou pensando no outro ano. Eu passo o ano toda envolvida com o Pau & Corda”, afirma Neire.


Início da programação: 14:00hsEnfeitamento da rua / 16:00hs. Roda de Carimbó no pé

do mastro e derrubamento.



Programação musical confirmada (Anfitrião: Grupo de Carimbó Sancari / 17:00:Grupo de Carimbó Som de Pau Oco – Belém / 17:30-Grupo de carimbó musical e dança de Santarém Novo / 18:00-Grupo de Carimbó Frutos da Terra de Irituia / 18:30 :Grupo de Carimbó Cobra Venenosa /Icoaraci / 19:00- grupo do carimbó Unidos do paraíso do município de Santa Bárbara / 19:30- Grupo de carimbó Raísan de Belém / 20:00-Grupo de Carimbó Aracuã de Ananindeua / 20:30: Grupo de Carimbó Alegria de Cafezal de Magalhães Barata / 21:00-Grupo de carimbó Novos urbanos de Castanhal / 21:30:

Grupo de Carimbó Sancari).



Serviço: Comemoração do Dia Municipal do Carimbó

Dia: Sábado (31 de agosto), a partir as 14h

Local: Passagem Álvaro Adolfo no bairro da Pedreira (Perímetro: Marquês de Herval.

Entre Curuzu e Antônio Baena)

Contato: Neire Prestes Rocha - 98924-8035 e Lucas Bragança-99607-3710


Texto e fotografias: Roberta Brandão

114 visualizações