Circular realiza programação Mapa do Afeto

#Circular

#MapaDoAfeto


Imagem: Otávio Henriques / Divulgação.


O Circular Campina Cidade Velha realiza, neste final de semana, a Mostra Mapa do Afeto, projeto contemplado pelo edital Culturas Populares (FIDESA, Secult-Pa), da Lei Aldir Blanc. A abertura será na sexta-feira, 13, na sede da Associação Fotoativa, na Praça das Mercês, seguindo pelo sábado, 14, e vai até domingo, 15, sempre das 10h às 20h, trazendo lançamento de livro, exposição, rodas de conversa, feirinha criativa, bate papo, apresentações musicais e videomapping. O último dia da mostra também vai coincidir com a realização da 36ª edição do Circular Campina Cidade Velha.




Valorizar e potencializar as relações de vizinhança e identidade sociocultural de moradores e visitantes, além de despertar memórias materiais e imateriais e provocar a reflexão sobre o espaço de moradia e a relação da cidade com os bairros do Centro Histórico. "Esse projeto busca estimular diálogos e debates sobre o lugar da memória, da afetividade e do patrimônio no espaço urbano, com foco específico para a construção de olhares e fazeres que compreendam o Centro Histórico como um território de produção de resistências, permanências e transformações", diz Adelaide Oliveira, coordenadora do Circular.




Na sexta-feira, 13, logo pela manhã, a programação inicia com feirinha criativa e a exposição “A Pele que Habito”, dos fotógrafos Otávio Henrique, Cláudio Ferreira e Ursula

Bahia. Haverá visitação dos alunos da Escola Felipe Smaldone, e bate papo com os fotógrafos. Pela parte da tarde, será feito o lançamento oficial do livro homônimo que deu origem à mostra, seguido de roda de conversa com pesquisadores/autores.




No sábado, 14, segue a feirinha criativa, reunindo a produção de parceiros da rede Circular Campina Cidade Velha e a exposição. De tarde, a artista e designer Renata Segtowick é convidada da roda de conversa para falar sobre o processo criativo de ilustração do Livro Mapa do Afeto. A programação no domingo, 15, começa pela manhã com a exposição e a feirinha abertas, contando pela parte da tarde com shows da cantora Karen Tavares e, em seguida, da Banda Puget Blues. O encerramento será com projeção videomapping, do artista premiado Kauê Lima.





Livro e exposição


O projeto Mapa do Afeto foi lançado em 2020, com livro e mapa impressos, mas de forma digital, sem presença do público, por causa da pandemia. E embora ainda não estejamos todos vacinados, desta vez, tomando todos os cuidados de saúde contra a Covid, o livro será lançado de forma presencial, com direito a exposição de fotografias e autógrafos dos autores que participarão de rodas de conversa, com o público.




A exposição “A Pele que Habito” faz parte desse mesmo conteúdo, reunindo fotografias inspiradas nas narrativas dos antigos moradores e jovens de diversas idades, profissões e gêneros que vivem no bairro da Cidade Velha. Algumas também foram produzidas durante a atuação dos fotógrafos Otávio Henriques e Cláudio Ferreira, ao longo de diversas edições do Circular; outras foram feitas sob encomenda à fotógrafa Ursula Bahia. Na Mostra Mapa do Afeto, a exposição também conta com sonorização de trechos de entrevistas, com edição de Beto Fares e Regina Silva.





Serviço

Mostra Mapa do Afeto - Circular Campina Cidade Velha - Palestra “Encruzilhada digital:

memória, afetividade e patrimônio”. De 13 a 15 de agosto, na sede da Associação Fotoativa - Praça das Mercês - Campina.


Texto: Luciana Medeiros / (91) 98134-7719 (Holofote Virtual)

127 visualizações