CASA DAS ARTES CELEBRA 99 ANOS DE RUY BARATA COM PROGRAMAÇÃO DEDICADA À POESIA

Atualizado: 2 de Ago de 2019


Os três dias de programação iniciarão dia 25 de junho comemorando o Dia da Poesia no Pará e os 99 anos do poeta Ruy Barata (1920-1990)



Ruy Barata / Foto: internet

É lei - publicada no Diário Oficial do Estado do Pará no dia 8 de abril de 1999 – tendo o número 6.195, de autoria do ex-deputado Nadir Neves e tendo sido sancionada pelo falecido governador Almir Gabriel, mas nunca foi comemorado de fato o Dia da Poesia no Estado do Pará.




Duas décadas depois de criada a lei, e iniciando as celebrações do centenário de nascimento do poeta Ruy Barata, a transcorrer de 2020 a 2021, a Fundação Cultural do Estado do Pará (FCP), através da Diretoria de Artes, e tendo como palco a Casa das Artes, celebra com muita Poesia e com poetas paraenses, o Dia da Poesia. “Parece lugar-comum dizer isso, mas o dia da Poesia é todo dia; ele é feito pela escrita de cada poeta que reverbera o fazer poético no nosso estado-continente”, diz Alfredo Garcia, diretor de Artes da fundação.



Cartaz Centenário Ruy Barata

A programação abre com uma mesa-redonda que vai abordar diversos aspectos da obra poética de Ruy Barata, tendo como expositores os professores Amarílis Tupiassu, João de Jesus Paes Loureiro, Lília Chaves, Marinilce Coelho e Paulo Nunes (mediador), no dia 25 de Junho, considerado o Dia da Poesia no Pará, de 9 às 12 horas, no auditório da Casa das Artes (confira programação e endereço).



Prossegue no dia seguinte com o tema “Poesia para a infância”, sendo convidados os poetas Antônio Juraci Siqueira e Giselle Ribeiro, no horário de 19 às 21 horas, tendo como mediadora a professora Solange Ribeiro. O encerramento será no dia 27 de junho, no mesmo horário, tendo como expositores os poetas Carlos Correia Santos e Marcos Samuel Costa, e mediador o escritor Alfredo Guimarães Garcia, a temática abordada será “Poesia para quê e para quem?”, tendo ao final do diálogo o lançamento do livro

“Caminhos para longitude”, de Marcos Samuel Costa.



PROGRAMAÇÃO


25 de junho (terça-feira)

9 horas/12 horas – Mesa-redonda: “Ruy Barata em cinco vozes”, com Amarílis Tupiassu, João de Jesus Paes Loureiro, Lilia Chaves, Marinilce Coelho e Paulo Nunes (mediador).


26 de junho (quarta-feira)

19 horas/21 horasMesa-redonda “Poesia para Infância”, com Antonio Juraci Siqueira e Gisele Ribeiro e mediação de Solange Ribeiro. Sessão de autógrafos do livro “A princesa sem dons para tamanha felicidade”, de Giselle Ribeiro.


27 de junho (quinta-feira)

19 horas/21 horasMesa-redonda Poesia para quê e para quem?”, com Marcos Samuel Costa e Carlos Correia Santos e mediação de Alfredo Garcia. Após evento haverá lançamento do livro “Caminhos para longitude”, de Marcos Samuel Costa.


Local: auditório da Casa das Artes (Praça Justo Chermont, 236, ao lado da Basílica de Nazaré).


Inscrições: Não haverá inscrição prévia. A frequência comprovada nas três atividades dará direito a uma certificação de 10 horas.

Informações: (091) 3323-0351.

54 visualizações