top of page

Bruno BO e Keila Gentil juntos em “Só por uma noite de amor”

Imagem::Victor Peixe / Divulgação.

Um dos nomes pioneiros do Rap e Hip hop da Amazônia, Bruno BO (@mcbrunobo) lançou no dia 05 de julho, o videoclipe da canção “Só por uma noite de amor”, ao lado de Keila Gentil (@tremekeila). A canção integra o disco lançado pelo rapper “Marcantes 2.0” e agora conta com releitura de brega marcante do nosso estado.




Unindo as letras românticas do Brega ao grave do baixo, a canção integra o disco“Marcantes 2.0” lançado pelo rapper no ano passado. “Só por uma noite amor” foi uma indicação da diretora artística do disco Lúcia Maciel, onde foram identificados elementos que levariam ao Trap e ao Drill. O registro audiovisual pode ser conferido no canal do artista no Youtube.





“A canção mostra uma conversa entre um homem e uma mulher sobre um ‘flerte’, de só

ficar, só curtir. Já havia a ideia de chamar cantoras de bregas e como a Keila é uma parceira de longa data, onde já gravamos juntos em outros trabalhos, sempre pensei ela pra fazer um Trap juntos e essa foi a oportunidade”, conta Bruno BO sobre a parceria com a cantora.




O videoclipe gravado na pereferia de Belém tem direção e edição de Gerson Rocha; câmera de Lucas Tocantins; como assistente de filmagem: Felipe Fonseca; produção: Lucia Maciel e Bruna Raiol e maquiagem de Nataly Emanuele.





Sobre o disco: Concebido durante a pandemia do novo coronavírus, o álbum “Marcantes

2.0” traz releituras de clássicos da música paraense em versões Trap, Reggaetown e Cumbia. Com letras românticas, o trabalho traz as participações de artistas fundamentais para o passado e presente da sonoridade nortista




Além de artistas como Keila, BO convida Rebeca Lindsay (carreira solo, The Voice Brasil e

ex-AR-15), Nanna Reis, Renata Beckman (Guitarrada das Manas), Marcos Maderito, Félix

Robatto e Manoel Cordeiro. Para Bruno, essas parcerias estão todas ligadas a esse universo tanto antigo como de ressignificação da música paraense e do bBega.





Sobre o artista: Original do Norte, Bruno BO é um dos nomes pioneiros do Rap e do Ragga no Pará. Além de MC, Bruno BO é pesquisador e professor do Instituto Federal do Pará (IFPA). Com formação em Ciências Sociais, o antropólogo fez pesquisas durante toda sua trajetória acadêmica sobre a cultura hip hop, em especial o rap, se tornando o primeiro MC de Rap brasileiro a conquistar o título de doutor em exercício.


Texto: Camila Emília Barros (Assessoria de Imprensa)


Comments


bottom of page