AMAZÔNIA DOC divulga selecionados e confirma realização em 2020

#AmazônoaDoc2020


COMO SOMOS NÓS - Imagem: divulgação.


O 6º Amazônia Doc – Festival Pan Amazônico de Cinema 3 em 1 tem a honra de divulgar a lista dos filmes selecionados para a Mostra Competitiva Pan-Amazônica da edição de 2020, confirmada para o período de 05 a 23 de setembro, em versão on-line. Além das mostras competitivas, todas as atividades paralelas, que contam com oficinas, bate-papos e masterclass, serão transmitidas gratuitamente pela plataforma de streaming CINEAMAZÔNA. A plataforma é uma novidade na região e será lançada na abertura, seguindo em funcionamento com foco em disponibilizar filmes e séries de ficção e documentários da Pan-Amazônia.



A Mostra Pan-amazônica é uma Mostra Internacional, que apresenta um painel da produção de cinema documental do Brasil e seus vizinhos amazônicos - A grande Amazônia. A curadoria do Amazônia Doc assistiu mais de 300 filmes, de nove países. Este ano, competem 16 curtas metragens vindos de 7 Estados brasileiros e do DF, além de filmes da Colômbia e do Peru, países da Amazônia Legal. São ainda mais 17 filmes entre longas e médias metragens vindos de mais 4 estados brasileiros e do DF, além da Colômbia, Peru e Guiana Francesa, que também estão na competição.



O Amazônia Doc inova nesta sexta edição e une a sua programação, a realização de mais dois festivais. O 1º Festival Curta Escolas contará com a Mostra Competitiva Primeiro Olhar, reunindo curtas documentários inscritos por jovens das Escolas Públicas do Estado. O edital de inscrições estará disponível no site dia 05 de agosto e a exibição dos selecionados será feita pela TV CULTURA, chegando aos 144 municípios paraenses. Já o 1º Festival As Amazonas do Cinema, cujas inscrições encerraram em junho, vai reunir documentários de mulheres diretoras da Amazônia. O resultado dos filmes selecionados em breve será divulgado.


FERROADA - Imagem: divulgação.


O Amazônia Doc 3 em 1 deveria ter sido lançado publicamente em março para ser realizado em maio, mas tudo precisou ser reinventado em meio a pandemia do corona vírus. Entre abril e junho, enquanto os novos rumos iam se configurando, o projeto não parou. Produziu um catálogo de filmes paraenses para a Mostra Égua do Filme, que pode ser acessada em seu site (www.amazoniadoc.com); fez o lançamento do documentário “Boi Pavulagem, Boi do Mundo”, de Homero Flávio e Ursula Vidal; e seguiu com as inscrições para as mostras Pan Amazônicas e das Amazonas do Cinema.



‘O ano de 2020 foi atravessado por uma crise de saúde pública sem precedentes que transformou nossas rotinas, nossas vidas e nos colocou recolhidos dentro de nossas casas, forçando uma reinvenção de todas as nossas atividades, inclusive as culturais que costumavam acontecer num ambiente de reunião calorosa e de muitas pessoas”, diz Zienhe Castro, da Direção do festival.



O Festival de Cinema AMAZÔNIA DOC é uma realização do Instituto Culta da Amazônia, com a Co-realização do Instituto Márcio Turma; patrocínio da Equatorial Energia, por meio da Lei Semear de Incentivo à Cultura - Fundação Cultural do Pará - Governo do Pará. A produção é da ZFilmes; parceria do SESC e apoio cultural da Rede Cultura de Comunicação; Ufpa - Curso de Cinema e Estrela do Norte - Elo Company.



Mais informações : www.amazoniadoc.com.brwww.amazoniadoc.com.br / (91) 98134-7719


Veja a lista de FILMES SELECIONADOS aqui de Curta Metragens e Longas/Médias

Metragens ou acesse www.amazoniadoc.com.br.


Texto: Luciana Medeiros (Assessoria de Comunicação)

82 visualizações